IMA/AL apresenta relatório de gestão, calendário 2019 e mapa estratégico 2019-2022

Os documentos foram apresentados durante a última reunião de diretoria realizada abertamente para a participação dos servidores do órgão

Texto e fotos: Ascom IMA/AL

“Esse é um momento especial que escolhemos fazer abertamente para dar continuidade às nossas premissas de transparência, participação e inovação. Fechamos de modo positivo um ano e um período de gestão que não tinha como ser realizado sem a colaboração de todos”.

Com essa fala o diretor-presidente do Instituto do Meio Ambiente do Estado de Alagoas (IMA/AL), Gustavo Lopes, iniciou a última reunião de diretoria do órgão em 2018, na manhã dessa sexta-feira (28). Diferente das outras reuniões, o momento aconteceu no Jardineto Botânico, para que os servidores pudessem participar, também serviu para apresentar três novos produtos.

A apresentação e distribuição do relatório de gestão do quadriênio (2015-2018), junto com o calendário do órgão para 2019 e o mapa estratégico para a próxima gestão (2019-2022) encerraram as atividades do Instituto no ano de 2018.

“Podemos dizer que houve muitos avanços nesse período, quando comparamos o órgão que assumimos com o que temos hoje podemos listar uma série de mudanças e entre as principais estão a padronização de procedimentos e a utilização de tecnologias que facilitaram o acesso por aqueles que precisam dos serviços do IMA/AL”, comentou Ermi Ferrari, gerente de Licenciamento.

Ele lembrou ainda da modernização da legislação ambiental. “Demos passos importantes, mas sabemos que ainda há muito o que caminhar, principalmente para não penalizar os pequenos empreendedores com processos desnecessários”, disse o gerente.

Para os próximos quatro anos o mapa estratégico aponta como visão o Instituto “ser referência regional em gestão e inovação para o desenvolvimento sustentável do Estado”, a missão de “proteger o meio ambiente e executar as políticas públicas ambientais atendendo a sociedade e partes interessadas”, também apontou como valores: ética, transparência, comprometimento, zelo com o bem público, respeito à vida.

O mapa é base do planejamento estratégico construído, de modo coletivo, pelos gerentes do Instituto, tendo como base o levantamento e avaliação das ações realizadas, além das demandas crescentes da população pelos serviços do órgão.

493 Total Views 1 Views Today